acessibilidade texto


. . .

Portuguese Portuguese

Amigo Anônimo

aanonimoui

Cooperar sempre

Olá, *|PNOME|*,

Já nos dirigimos a você para falar-lhe sobre como cooperamos com a comunidade profissional e as organizações — aspecto essencial da história e desenvolvimento de Alcoólicos Anônimos no mundo e no Brasil, como também do processo individual de reabilitação dos membros.

Agora tomamos a liberdade de apresentar-lhe uma coletânea de experiências práticas e profícuas – muitas das quais bastante longevas – de cooperação entre A.A. e um diversificado leque de organizações, privadas ou públicas, em variados campos da vida social.

Trata-se do livro Cooperar Sempre, que reúne 52 artigos, oriundos de diversas regiões do país, publicados em diferentes momentos na Revista Brasileira de Alcoólicos Anônimos, a Vivência, ao longo de seus pouco mais de 30 anos de existência ininterrupta.

Todos os textos são assinados por Amigos de A.A., isto é, profissionais que conhecem e apoiam nossa Irmandade, seja divulgando-a junto aos públicos com os quais trabalham, seja indicando A.A. para potenciais alcoólicos que os procuram, seja organizando e mantendo iniciativas de cooperação regular com membros de A.A.

O livro divide-se em duas partes. Na primeira são apresentados 36 relatos de experiências, agrupados por área de atuação dos autores: saúde, trabalho, Justiça/sistema prisional e outras áreas. Na segunda parte encontram-se 16 abordagens de facetas diversas do funcionamento de A.A.: os Doze Passos, reuniões de apoio (institucionais, com presença de membros de A.A.), reuniões de grupos da Irmandade, além de considerações psicanalíticas, psiquiátricas e de múltiplos olhares sobre nosso programa sugerido para reabilitação do alcoolismo, nosso modo
de convivência e de estruturação permanente.

No seu Prefácio são detalhados os critérios de seleção e organização do livro, enquanto uma Apresentação trata de contextualizar os sentidos e finalidades da coletânea.

Separamos um fragmento para compartilhar com você, ilustrativo de como A.A. vem se adaptando aos mais diversos ambientes e realidades locais:

Eu vi um grupo de A.A. nascer na floresta!

Há quase dez anos tive oportunidade de trabalhar conjuntamente com A.A. de forma intensiva. Como médica psiquiátrica, vinha me dedicando às dependências químicas há algum tempo. Realizava grupos de medicação para alcoólicos e acompanhava de perto a evolução do grupo de esposas de alcoólicos num ambulatório de saúde mental na periferia de São Paulo. Nessa ocasião, a instituição onde eu trabalhava fez um acordo de parceria com o Grupo de A.A. do Jaçanã e, além de ser convidada a dar palestras, participei de outros grupos, não só naquela igreja, como em Santana também.
Mais tarde, minha vida mudou e me encontrei no meio da selva, no estado do Amazonas, a mais de 1.000 quilômetros de Manaus, Rio Negro acima, na divisa tríplice entre Brasil, Colômbia e Venezuela.
(...)... o abuso de álcool naquela região é uma preocupação de todos. Toda ciosa de minha sabedoria em relação ao tema, iniciei um grupo de mulheres de alcoólicos e, confesso, surpreendi-me, pois as diferenças culturais eram tão grandes que eu não tinha repertório para compreender o que se passava naqueles
grupos.
(...)Quando saí de lá, em 1997, as reuniões [de A.A.] já estavam acontecendo com regularidade e frequência crescente de participantes.

Dra. Marta A.J.S.Vaz – Psiquiatra, 1999 (págs. 25-27)

Cooperar Sempre pretende constituir-se como inspiração, estímulo e ferramenta de apoio para a multiplicação de ações de cooperação sem afiliação. Encontra-se disponível para aquisição em nossa Loja Virtual.

Visite-nos em www.aa.org.br/loja.

Agradecemos por sua atenção e permanecemos à disposição,

Fraternamente,
Junta de Serviços Gerais de Alcoólicos Anônimos do Brasil

Literatura Digital em eBook