acessibilidade texto


. . .

Portuguese Portuguese

Amigo Anônimo

aanonimoui

Aanonimo

1969 09 A criação do CLAAB

Embora a Irmandade de Alcoólicos Anônimos tenha se instalado no Brasil formalmente com o registro consensual do primeiro Grupo de A.A., o Grupo Rio de Janeiro, na cidade do Rio de Janeiro – à época Capital da República, em 05 de setembro de 1947, a estrutura formal nos moldes da Estrutura Mundial de A.A., somente teve início em 1969 com a concessão da autorização para a tradução, publicação e distribuição do livro Alcoólicos Anônimos e a criação de um órgão de serviço nos moldes da estrutura orientada pelos Serviços Mundiais de A.A.–A.A.W.S. Este órgão de serviço recebeu o nome de Centro de Distribuição de Literatura de A.A. para o BrasilCLAAB, e foi criado em 20 de setembro de 1969, em São Paulo, como uma Sociedade Civil de natureza literária.

Em 29 de fevereiro de 1976, durante o Terceiro Conclave Nacional, em São Paulo, reuniram-se os membros do Conselho Diretor do CLAAB e mais 29 Delegados representando 16 Estados e criaram a Junta Nacional de Alcoólicos Anônimos do Brasil (atual Junta de Serviços Gerais de A.A. no Brasil) – Junaab.

A Junaab é uma Sociedade Civil sem fins lucrativos, cujo propósito primordial é o de promover a unidade e a continuidade da Irmandade de Alcoólicos Anônimos no Brasil, sendo apenas um órgão de Prestação de Serviços, e seu Estatuto dispunha que seus órgãos seriam: 1) – uma Assembleia Geral, composta pelos Delegados Estaduais, denominados “Membros da Junta"(em 1977, Conferência de Serviços Gerais – CSG); 2) - uma Diretoria escolhida pela Assembleia Geral dentre os Delegados Estaduais e, 3) o CLAAB, como órgão executor dos Serviços Gerais de A.A. no plano nacional, funcionando como Escritório de Serviços Gerais - ESG e como órgão executivo da Junaab no Brasil, da qual é subordinado. Ao CLAAB compete:

  • Publicar e distribuir em todo o terri­tório nacional, devidamente traduzida para o português, a literatura aprovada pela CSG conforme autorização de “Alcoholics Anonymous World Ser­vices, Inc. (AAWS) ”, proprietária dos direitos autorais;
  • Resguardar os direitos autorais de AAWS em todo o território nacional;
  • Promover quaisquer atividades que te­nham por objetivo a unidade e a continuidade da Irmandade de A.A. no Brasil;
  • Promover, enfim, a mais ampla divulgação do programa de A.A. para a recuperação de alcoólicos, estabelecendo e mantendo sólidas atividades de relações públicas no trato com a imprensa escrita, falada e televisada e outros meios de comunicação, bem como com as autoridades constituídas e qualquer órgão interessado no problema do alcoolismo, sem, todavia, se filiar a nenhum deles.

No final de março de 1980, a Comissão de Política e Admissões da 4ª CSG realizada em Porto Alegre, recomendou o desmembramento Administrativo, Físico e Financeiro do CLAAB/ESG, ficando o CLAAB apenas como distribuidor de literatura de A.A. para o Brasil, enquanto o ESG assumiu, de fato, os Serviços Gerais (Executivo) de A.A. em nível nacional.

Em 1995, a 19ª CSG, realizada em Santos-SP entre os dias 12 e 16 de abril, aprovou a reestruturação da Junaab, a qual incluiu a extinção do CLAAB (a baixa definitiva na Receita Federal, se deu apenas em 15/02/2015) sendo seus bens incorporados à Junta. O ESG e o Comitê de Literatura, que teve suas funções ampliadas, passaram a cuidar da revisão e edição de nossos livros. Posteriormente seria criado o atual CPP -Comitê de Publicações Periódicas –um Comitê de Assessoramento da Junaab para a função editorial da revista Vivência e dos boletins informativos Junaab Informa e BOB Mural.

CAHist – Comitê de Arquivos Históricos da Junaab