acessibilidade texto


. . .

Portuguese Portuguese

Amigo Anônimo

aanonimoui

Aanonimo

A última mensagem do Dr Bob

“Meus queridos amigos em A.A. e do A.A. Fico bastante emocionado ao ver diante de mim um vasto mar de faces, com o sentimento de que, possivelmente alguma pequena coisa eu fiz há alguns anos atrás, para tornar este encontro possível”.

“Fico emocionado também, quando penso que todos nós tivemos os mesmos problemas. Que todos nós conseguimos os mesmos resultados proporcionalmente ao nosso zelo, entusiasmo e persistência na detenção da marcha de nossa doença. Se vocês me permitirem a inclusão de uma pequena nota pessoal neste momento, quero dizer que estive acamado cinco dos últimos sete meses e minhas forças não retornaram como eu gostaria; assim meus comentários sobre o necessário serão muito breves”.

“Duas ou três coisas vieram à minha mente, às quais eu gostaria de dar um pouco de ênfase. Uma é a simplicidade do nosso programa. Não vamos perder isso tudo com complexos de Freud e coisas que são interessantes para o pensamento científico, mas temos muito que fazer com o nosso atual trabalho no A.A. . Os nossos Doze Passos quando experimentados até o último, resumem-se todos eles às palavras ‘amor’ e ‘serviço’.”

“Nós entendemos o que o amor é. Nós entendemos o que serviço é. Assim, vamos manter essas duas coisas em nosso pensamento”.

“Lembremos também de guardar a nossa língua para não errar e que se tivermos que usá-la, usemos com bondade, consideração e tolerância”.

“E mais uma coisa: nenhum de nós estaria hoje aqui, se alguém não tivesse tido tempo para explicar-nos alguma coisa, para nos dar uns tapinhas nas costas, para levar-nos a uma ou duas reuniões, para fazer numerosos atos de bondade e consciência em nosso favor. Assim, não deixemos nunca chegar a um grau tal de complacência presunçosa, que não nos permita dar a ajuda ou tentar dá-la, a nossos irmãos menos felizes, já que ela tem sido tão benéfica para todos nós”.

“Muitas felicidades. Dr. Bob S.”

O Dr. Bob morreu de câncer. Bill W. quis encorajá-lo e ouviu do Bob: “Quem mordeu a isca do alcoolismo, pode beijar um câncer com as mãos atadas para trás.” Ele como médico e sua enfermeira Ir. Ignatia trataram, gratuitamente, mais de cinco mil alcoólatras.

A última vez que o Dr. Bob apareceu em público, e já muito debilitado, foi em 03/06/50 na Iª Convenção Mundial De A.A., Em Cleveland.

Literatura Digital em eBook