acessibilidade texto


. . .

Portuguese Portuguese

Amigo Anônimo

aanonimoui

r) 1993 - 2019 Trabalhando com os Outros CTO

Recomendações aprovadas

Texto:

1993, Santos-SP, 17ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reuniões de Informação ao Público, sejam evitadas coletas, bem como homenagens a pessoas ligadas a Irmandade, vivas ou falecidas. Inclui-se nestas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-A não formação de Grupos na forma tradicional dentro de recintos de Instituições de Tratamento, Correcionais e empresas, para que seja preservada a autonomia da Instituição e obedecidos os preceitos da Irmandade Aprovada por unanimidade.
  • 3.-Às Centrais, Intergrupais de Serviços e aos Comités de Distrito, onde não houver Órgão de Serviço legal, que seja dinamizado o trabalho de divulgação da Irmandade junto a empresas públicas e privadas. Aprovada por unanimidade.
  • 4.-Que sejam evitados trabalhos individuais, pertinentes â Comissão de Informação ao Público, ao Trabalho de Cooperação com a Comunidade Profissional e nas Instituições, procurando realizar esses trabalhos em conjunto com os organismos correspondentes, a fim de se evitar a informação dupla ou incorreta. Aprovada por unanimidade.
  • 5.-Aos Órgãos de Serviços de A.A. e aos grupos em geral que somente participem de trabalho de informação em hospitais psiquiátricos e em outras instituições onde haja interesse no trabalho do A.A. Aprovada por unanimidade.
  • 6.-Que o ESG ou Comité pertinente elabore material para que todo mês de setembro seja veiculado nos meios de comunicação, em âmbito nacional, matéria alusiva ao aniversário de A.A. Brasileiro, com um perfil atualizado da nossa irmandade no país. Aprovada por unanimidade.
  • 7.-Que os grupos evitem utilizar o termo "Reunião Festiva" nos convites para Reuniões de Informação ao Público, aniversários de Grupos e entrega de ficha por tempo de sobriedade, com a finalidade de não confundir a comunidade não AA e preservar os Princípios da Irmandade. Aprovada por maioria absoluta.
  • 8.-Referendar somente a 9ª Edição do Manual do CTO elaborado pela Junta, por delegação da Conferência e publicado pelo CLAAB, cuja 2ª Edição fica condicionada a revisão de todo o trabalho. Aprovada por unanimidade.

 

1994, Teresina-PI, 18ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reuniões de Informação ao Publico, sejam evitadas coletas, bem como homenagens a pessoas, vivas ou falecidas. Inclui-se nestas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-A não formação de Grupos na forma tradicional dentro de recintos de Instituições de Tratamento, Correcionais e empresas, para que seja preservada a autonomia da Instituição e obedecidos os preceitos da Irmandade. Aprovada por maioria absoluta.
  • 3.-As Centrais, Intergrupais de Serviços e aos Comitês de Distrito, onde não houver Órgão de Serviço legal, que seja dinamizado o trabalho de divulgação da Irmandade junto a empresas publicas e privadas. Aprovada por unanimidade.
  • 4.-Que sejam evitados trabalhos individuais, pertinentes a Comissão de Informação ao Publico, ao trabalho de Cooperação com a Comunidade Profissional e nas Instituições, procurando realizar esses trabalhos em conjunto com os organismos correspondentes, a fim de se evitar a informação dupla ou incorreta. Aprovada por unanimidade.
  • 5.-Aos Órgãos de Serviço de A.A. e aos Grupos em geral, que somente participem de trabalho de informação em hospitais psiquiátricos e em outras instituições onde haja interesse no trabalho do A.A. Aprovada por maioria simples.
  • 6.-Que o ESG ou Comitê pertinente elabore material para que todo mês de setembro seja veiculado nos meios de comunicação, em âmbito nacional, matéria alusiva ao aniversário do A.A. brasileiro, com um perfil atualizado da nossa Irmandade no País.   Aprovada por unanimidade.
  • 7.-Que os grupos evitem utilizar o termo "Reunião Festiva" nos convites para Reuniões de Informação ao Publico, aniversários de grupos e entrega de fichas por tempo de sobriedade, com a finalidade de não confundir a comunidade não A.A. e preservar os princípios da Irmandade. Aprovada por maioria simples.
  • 8.-Que nos Encontros Nacionais, Regionais e Estaduais sejam discutidos os trabalhos do CTO, visando o aprimoramento da mensagem e, sobretudo, o apadrinhamento de novos servidores. Aprovada por maioria absoluta.
  • 9.-Que, responsáveis pelos Serviços Gerais: o Grupo, o RSG, o Distrito, o MCD e o Comitê de Área, preocupem-se sempre mais com o crescimento dos companheiros dentro do Programa de Recuperação, filosofia e Princípios da Irmandade, incentivando as Reuniões Temáticas, de Literatura e de Novos, de modo a que, quando se dedicarem ao trabalho do CTO, esses companheiros estejam habilitados a fazê-lo. Aprovada por unanimidade.
  • 10.-Que em eventos que tenham por tema CTO, sejam convidados à participar, como ouvintes, os profissionais de qualquer área interessados no programa de A.A. Aprovada por maioria absoluta.

 

1995, Santos-SP, 19ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reuniões de Informação ao Púbico sejam evitadas coletas, bem como homenagens a pessoas, vivas ou falecidas. Inclui-se nestas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-A não formação de Grupos na forma tradicional dentro de recintos de Instituições de Tratamento, Correcionais, de Ensino e empresas, para que seja preservada a autonomia da Instituição e obedecidos os preceitos da Irmandade. Aprovada por unanimidade.
  • 3.-As Centrais, Intergrupais de Serviços e aos Comitês de Distritos, onde não houver Órgão de Serviço legal, que seja dinamizado o trabalho de divulgação da irmandade junto a Empresas públicas e privadas pelo organismo de serviço mais próximo. Aprovada por maioria simples.
  • 4.-Que sejam evitados trabalhos individuais pertinentes às Comissões de: Informação ao Público, Cooperação com a Comunidade Profissional e Instituições, realizando esses trabalhos em conjunto com os organismos correspondentes, a fim de se evitar a informação dupla ou incorreta. Aprovada por unanimidade.
  • 5.-Aos Órgãos de Serviço de A.A. e aos Grupos em geral, que somente participem do trabalho em hospitais psiquiátricos e em outras instituições onde haja interesse no programa de A. A. Aprovada por unanimidade.
  • 6.-Que o ESG, CENSAA/ISAA ou Comitês pertinentes, elaborem material alusivo ao aniversário do A. A. Brasileiro, com um perfil atualizado da nossa Irmandade em geral e a nível local, para veiculação nos meios de comunicação durante o mês de setembro. Aprovada por unanimidade.
  • 7.-Que os Grupos, nos convites para Reuniões de Informação ao Público, evitem utilizar o termo “Reunião Festiva", preservando os princípios da Irmandade. Aprovada por unanimidade.
  • 8.-Que nos eventos Nacionais, Regionais e Estaduais sejam discutidos os trabalhos do CTO, visando ao aprimoramento da mensagem e, sobretudo, o apadrinhamento de novos servidores. Aprovada por unanimidade.
  • 9.-Que os responsáveis pelos Serviços Gerais de A. A., incentivem as reuniões Temáticas, de Literatura e de Novos, de modo que os companheiros, quando se dedicarem ao trabalho do CTO, estejam habilitados a fazê-lo. Aprovada por unanimidade.
  • 10.-Que em eventos que tenham por tema o CTO sejam convidados a participar como ouvintes, os profissionais de qualquer área de conhecimento e atuação interessados no programa de A.A. Aprovada por unanimidade.
  • 11.-Que o ESG, na confecção de novos cartazes para divulgação da Irmandade, examine sugestões originadas de todas as Áreas do Brasil. Aprovada por maioria absoluta.
  • 12.-Que a divulgação da Irmandade através de placas nas rodovias siga o padrão do DNER e contenha o número do telefone de A.A. local. Aprovada por maioria absoluta.
  • 13.-Que o CTO local faça um trabalho de esclarecimento do nosso Programa de Recuperação aos profissionais da área da Justiça, quando do encaminhamento de pessoas aos Grupos de A.A. Aprovada por maioria simples.

 

1996, Santos-SP, 19ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reuniões de Informação ao Público sejam evitadas coletas, bem como homenagens a pessoas, vivas ou falecidas. Inclui-se nestas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-Formação de Grupes na forma tradicional dentro de recintos de Instituições de Tratamento, Correcionais, de Ensino e de empresas, para que seja respeitada a autonomia da Instituição e obedecidos os preceitos da Irmandade. Aprovada por unanimidade.
  • 3.-Que sejam evitados trabalhos individuais pertinentes às comissões de: Informação ao Público, Cooperação com a Comunidade Profissional e Instituições, realizando esses trabalhos em conjunto com os organismos correspondentes, a fim de se evitar a informação dupla ou incorreta. Aprovada por unanimidade.
  • 4.-Aos Órgãos de Serviços de A.A. e aos Grupos em geral, que somente participem do trabalho em hospitais psiquiátricos e em outras instituições onde haja interesse no programa de A.A. Aprovada por unanimidade.
  • 5.-Que o ESG, CENSAAs/ISAAs ou Comitês pertinentes, elaborem material alusivo ao aniversário do A.A. no Brasil, com um perfil atualizado da nossa Irmandade em geral e a nível local, para veiculação nos meios de comunicação durante o mês de setembro. Aprovada por unanimidade.
  • 6.-Que os Grupos, nos convites para Reuniões de Informação ao Público, evitem utilizar o termo "Reunião Festiva", preservando os princípios da Irmandade. Aprovada por unanimidade.
  • 7.-Que nos eventos Nacionais, Regionais e de Áreas sejam discutidos os trabalhos do CTO, visando ao aprimoramento da mensagem e, sobretudo, o apadrinhamento de novos servidores. Aprovada por maioria absoluta.
  • 8.-Que os responsáveis pelos Serviços Gerais de A.A., incentivem as reuniões Temáticas, de Literatura e de Novos, de modo aue os companheiros, quando se dedicarem ao trabalho do CTO, estejam habilitados a fazê-lo. Aprovada por unanimidade.
  • 9.-Que em eventos onde tenham por terna o CTO, sejam convidados a participarem como ouvintes, os profissionais de qualquer área de conhecimento e atuação interessados no programa de A.A. Aprovada por maioria absoluta.
  • 10.-Que a divulgação da Irmandade através de placas nas rodovias siga o padrão do DNER e contenha o número do telefone do AA. local. Aprovada por unanimidade.
  • 11.-Que o CTO local faça um trabalho de esclarecimento do nosso Programa de Recuperação aos profissionais da Área da Justiça, quando do encaminhamento de pessoas aos Grupos de A A. Aprovada por unanimidade.
  • 12.-Que todos os serviços efetuados pelos Grupos a nível de CTO, sejam comunicados às CENSAAs e ISAAs, a fim de ser estabelecida e mantida permanente via de comunicação entre os Grupos e organismos de serviços, e que o mesmo procedimento seja adotado pelas CENSAAs/ISAAs em relação aos Grupos. Aprovada por unanimidade.
  • 13.-Que na publicação de matérias sobre o programa de A.A. em jornais, revistas ou outros periódicos, o assunto seja retirado de nossa Literatura oficial e aprovada pela Conferência, sem distorções, citando-se sua origem. Aprovada por unanimidade.
  • 14.-Que a divulgação de Alcoólicos Anônimos por meio de placas afixadas em rodoviárias, portos, heliportos e aeroportos seja feita em português, inglês e espanhol, sendo o seu conteúdo, tamanho da placa, tipo de letra e cor fixadas pelo CTO Nacional. Aprovada por maioria absoluta.

 

1997, Santos-SP, 20ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reunião de Informação ao Público sejam evitadas coletas, bem como homenagear pessoas vivas ou falecidas, incluindo-se nestas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-Que o CTO da Junta elabore material alusivo ao aniversário do A.A. no Brasil, com um perfil atualizado da nossa Irmandade, para veiculação nos meios de comunicação durante o mês de setembro e que as CENSAAs e ISAAs distribuam este material à imprensa com antecedência, acrescentando os dados locais. Aprovada por maioria absoluta.
  • 3.-Que os Órgãos de Serviços orientem os Grupos que nos convites para Reunião de Informação ao Público, evitem utilizar o termo "Reunião Festiva", preservando os princípios da Irmandade. Aprovada por unanimidade.
  • 4.-Que os responsáveis pelos Serviços Gerais de A.A, incentivem as Reuniões Temáticas, de Literatura e de Novos, de modo que os companheiros, quando se dedicarem aos trabalhos do CTO, estejam habilitados a fazê-lo. Aprovada por unanimidade.
  • 5.-Que a divulgação da Irmandade através de placas nas rodovias siga o padrão do órgão competente e contenha o número do telefone de A.A. local. Aprovada por unanimidade.
  • 6.-Que o CTO local faça um trabalho de esclarecimento do nosso Programa de Recuperação aos profissionais da área da justiça, quando do encaminhamento de pessoas aos Grupos de A.A. Aprovada por unanimidade.
  • 7.-Que no fornecimento de informações para publicação de matérias sobre o Programa de A.A. em jornais, revistas ou outros periódicos, o assunto seja retirado
    de nossa literatura oficial e aprovada pela Conferência, sem distorções, citando-se sua origem. Aprovada por unanimidade.
  • 8.-Que a divulgação de Alcoólicos Anônimos por meio de placas afixadas em rodoviárias, portos, heliportos e aeroportos seja feita em português, inglês e espanhol. Aprovada por unanimidade.
  • 9.-Que sejam estimuladas as amostras de literatura de A.A. nos seguintes locais: Shoppings, Correios, Portos, Aeroportos, Terminais Rodoviários e Estações Ferroviárias, informando o local onde adquiri-las.

 

1998, Santos-SP, 21ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reunião de Informação ao Público sejam evitadas coletas, bem como homenagear pessoas vivas ou falecidas, incluindo-se nestas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-Que o CTO da Junta elabore material alusivo ao aniversário do A.A. no Brasil, com um perfil atualizado da nossa Irmandade, para veiculação nos meios de comunicação durante o mês de setembro e que as CENSAAs e ISAAs distribuam este material à imprensa com antecedência, acrescentando os dados locais. Aprovada por unanimidade.
  • 3.-Que os Órgãos de Serviços orientem os Grupos para que nos convites à Reunião de Informação ao Público, evitem utilizar o termo "Reunião Festiva", preservando os princípios da Irmandade. Aprovada por unanimidade.
  • 4.-Que os responsáveis pelos Serviços Gerais de A.A. incentivem as Reuniões Temáticas, de Literatura e de Novos, de modo que os companheiros, quando se dedicarem aos trabalhos do CTO, estejam habilitados a fazê-lo. Aprovada por unanimidade.
  • 5.-Que a divulgação da Irmandade através de placas nas rodovias siga o padrão do órgão competente e contenha o número do telefone do A.A. local. Aprovada por unanimidade.
  • 6.-Que o CTO local faça um trabalho de esclarecimento do nosso Programa de Recuperação aos profissionais da área da justiça, quando do encaminhamento de pessoas aos Grupos de A.A. Aprovada por unanimidade.
  • 7.-Que no fornecimento de informações para publicação de matérias sobre o Programa de A.A. em jornais, revistas ou outros periódicos, o assunto seja retirado de nossa literatura oficial. Aprovada por unanimidade.

 

1999, Santos-SP, 22ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reunião de Informação ao Público sejam evitadas coletas, bem como homenagear pessoas vivas ou falecidas, incluindo-se nestas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-Que o CTO da Junta elabore material alusivo ao aniversário de A.A. no Brasil, com um perfil atualizado da nossa Irmandade com 45 dias de antecedência, para veiculação nos meios de ração durante o mês de setembro e que as CENSAAs e ISAAs distribuam este material à imprensa com antecedência, acrescentando os dados locais. Aprovada por unanimidade.
  • 3.-Que os Órgãos de Serviços orientem os Grupos para que, nos convites à Reunião de Informação ao Público, evitem utilizar o termo "Reunião Festiva", preservando os princípios da Irmandade. Aprovada por unanimidade.
  • 4.-Que os responsáveis pelos Serviços de A.A. incentivem as Reuniões Temáticas, de Literatura, de ovos e de Treinamento, como forma de apadrinhar os companheiros para os trabalhos do CTO, habilitando-os a fazê-los. Aprovada por unanimidade.
  • 5.-Que a divulgação da Irmandade através de placas nas rodovias siga o padrão do órgão competente e contenha o número do telefone de A.A. local. Aprovada por maioria simples.
  • 6.-Que a JUNAAB viabilize maior investimento na divulgação da nossa Irmandade, através dos meios de comunicação em nível nacional. Aprovada por maioria absoluta.
  • 7.-Que os Órgãos de Serviços e os membros de A.A. antes de divulgar "sites", "home pages", “chats”, grupos de discussão, assim como interagirem na Internet em assuntos referentes à Irmandade, consultem a JUNAAB sobre a questão. Aprovada por unanimidade.

 

2000, Santos-SP, 23ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reunião de Informação ao Público sejam evitadas coletas, bem como homenagear pessoas vivas ou falecidas, incluindo-se nestas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-Que o CTO da Junta elabore material alusivo ao aniversário de A.A. no Brasil, com um perfil atualizado da nossa Irmandade com 45 dias de antecedência, para veiculação nos meios de comunicação durante o mês de setembro e que as CENSAAs e ISAAs distribuam esse material à imprensa com antecedência, acrescentando os dados locais. Aprovada por unanimidade.
  • 3.-Que os Órgãos de Serviços orientem os Grupos para que, nos convites à Reunião de Informação ao Público, evitem utilizar o termo "Reunião Festiva", preservando os princípios da Irmandade. Aprovada por unanimidade.
  • 4.-Que os responsáveis pelos Serviços de A.A. incentivem as Reuniões Temáticas, de Literatura, de Novos e de Treinamento, como forma de apadrinhar os companheiros para os trabalhos do CTO, habilitando-os a fazê-los. Aprovada por unanimidade.
  • 5.-Que a divulgação da Irmandade através de placas nas rodovias siga o padrão do órgão competente e contenha o número do telefone de A.A. local. Aprovada por maioria simples.
  • 6.-Que a JUNAAB viabilize maior investimento na divulgação da nossa Irmandade, através dos meios de comunicação em nível nacional. Aprovada por maioria simples.
  • 7.-Que os Órgãos de Serviços e os membros de A.A. antes de divulgar "sites", "home pages", "chats", grupos de discussão, assim como interagirem na Internet em assuntos referentes à Irmandade, consultem a JUNAAB sobre a questão. Aprovada por unanimidade.

 

2001, São Paulo-SP, 26ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reunião de Informação ao Público sejam evitadas coletas, bem como homenagear pessoas vivas ou falecidas, incluindo-se nestas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por maioria simples.
  • 2.-Que os responsáveis pelos Serviços de A.A. incentivem as Reuniões Temáticas, de Literatura, de Novos e de Treinamento, como forma de apadrinhar os companheiros para os trabalhos do CTO, habilitando-os a fazê-los. Aprovada por maioria simples.
  • 3.-Que os Órgãos de Serviços e os membros de A.A. antes de divulgar "sites", "home pages", "chats", grupos de discussão, assim como interagirem na Internet em assuntos referentes à Irmandade, consultem a JUNAAB sobre a questão. Aprovada por maioria absoluta.
  • 4.-Que o CTO, em todos os níveis, esclareça aos profissionais da área da Justiça, quanto ao nosso programa de recuperação e ao propósito de nossos Grupos na comunidade. Aprovada por unanimidade.

 

2002, Santos-SP, 24ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reunião de Informação ao Público sejam evitadas coletas, bem como homenagem a pessoas vivas ou falecidas, incluindo-se nessas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por maioria absoluta.

 

2003, São Paulo-SP, 27ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que, em Reunião de Informação ao Público, sejam evitadas coletas, Livro de Registro de Presenças, bem como homenagem a pessoas vivas ou falecidas, incluindo-se nessas homenagens a entrega de fichas por tempo de sobriedade. Aprovada por maioria absoluta.
  • 2.-Que os Órgãos de Serviços e Grupos evitem colocar em seus convites para Reunião de Informação ao Público o nome dos palestrantes membros de A A. Aprovada por maioria absoluta.
  • 3.-Que os CTOs apadrinhem profissionais a fim de intensificar a cooperação entre A.A., a classe profissional e as instituições onde trabalham. Aprovada por maioria absoluta.
  • 4.-Que o CTO da JUNAAB elabore documento a ser enviado a todos os organismos de A.A. do Brasil, esclarecendo ao Poder Judiciário a finalidade, propósito e funcionamento da Irmandade. Aprovada por maioria absoluta.

 

2004, São Paulo-SP, 28ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reunião de Informação ao Público, sejam evitadas coletas, livro de registro de presenças, homenagens a pessoas vivas ou falecidas, e entrega de fichas. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-Que a divulgação da Irmandade através de placas nas rodovias siga o padrão do Órgão competente e contenha o número do telefone do ESL. Aprovada por unanimidade.
  • 3.-Que em comemoração à chegada de A. A. no Brasil, seja instituída a Semana do CTO a realizar-se anualmente no período de 01 a 07 de setembro. Aprovada por maioria absoluta.
  • 4.-A Comissão do CTO apresentou ao Plenário a seguinte Petição: Em função da não atuação da Comissão que deveria apresentar estudo para a elaboração do material para CTO (Guias), esta Comissão através do trabalho pré-elaborado por um grupo de companheiros coordenados pelo Custódio Jesus apresenta este material para ser estudado por esta Comissão até 30 de junho de 2004, sob a coordenação do companheiro Eloy, devendo ser elaborada a redação final e repassada à Comissão de estudo do Manual de Serviço, do qual deverá fazer parte integrante. Aprovada por unanimidade.

 

2005, São Paulo-SP, 29ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que em Reunião de Informação ao Público, sejam evitadas coletas, livro de registros de presenças, homenagens a pessoas vivas ou falecidas, e entrega de fichas. Aprovada por maioria absoluta.
  • 2.-Que a divulgação da Irmandade através de placas nas rodovias siga o padrão do Órgão competente e contenha o número do telefone do ESL e o site nacional. Aprovada por unanimidade.
  • 3.-Que os CTOs apadrinhem profissionais a fim de intensificar a cooperação entre A.A., a Classe Profissional e a Instituição onde trabalham. Aprovada por maioria absoluta.
  • 4.-Que o Comitê Trabalhando com os Outros (CTO) da JUNAAB, volte a publicar periodicamente (trimestralmente), informações sobre a Reunião de Internacionalistas e Solitários (RIS). Aprovada por maioria absoluta.

 

2006, São Paulo-SP, 30ª CSG

Recomenda:

  1. 1.-Que as Áreas procedam ao estudo de revisão dos "Guias de CTO", em poder dos Delegados de Área, e que o resultado deste estudo seja encaminhado ao CTO da JUNAAB, até 30 de setembro de 2006, devendo ser submetido à apreciação e aprovação da Conferência de Serviços Gerais dc 2007. Aprovada por unanimidade.

 

2007, São Paulo-SP, 31ª CSG

Recomenda:

  • Rejeitadas pela Comissão todas as 17 propostas apresentadas.

 

2008, São Paulo-SP, 32ª CSG

Recomenda:

  • Uma proposta aprovada pela Comissão e rejeitada pelo Plenário.

 

2009, Serra Negra-SP, 33ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que a JUNAAB elabore um filme para divulgação em trabalho de CTO voltado à família, jovens e empresas. Aprovada por maioria absoluta.
  • 2.-Que os cartazes e informativos do mês da literatura e semana do CTO sejam enviados no mínimo com 60 dias de antecedência, para sua devida divulgação. Aprovada por maioria absoluta.
  • 3.-Que nos eventos de A.A. sejam incluídos em sua programação temas e ou atividades do CTO, bem como, exposição da Revista Vivência visando o aprimoramento da mensagem de A.A. e o apadrinhamento de novos servidores. Aprovada por maioria simples.

 

2010, Serra Negra-SP, 34ª CSG

Recomenda:

  1. 1.-Que a JUNAAB, quando for confeccionar o cartaz azul padrão, aumente o espaço da tarja de comunicação. Aprovada por unanimidade.

 

2011, Serra Negra-SP, 35ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que a JUNAAB estude uma forma de melhorar a divulgação da mensagem de A.A. na mídia televisada, falada e escrita em nível nacional. Aprovada por maioria simples.

 

2012, Serra Negra-SP, 36ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que o CTO da JUNAAB providencie a edição de folheto esclarecedor a respeito das pessoas enviadas pela Justiça. Aprovada por maioria absoluta.

 

2013, Serra Negra-SP, 37ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que o CTO da JUNAAB providencie a edição de folheto esclarecedor a respeito das pessoas enviadas pela justiça. (21-ES). Aprovada por maioria absoluta.
  • 2.-Que o CTO da JUNAAB estude a possibilidade de elaborar um filme sobre o ESG (Escritório de Serviços Gerais) e as comissões de CTO, utilizando o filme já existente – o Terceiro Legado. (JUNAAB). Aprovada por unanimidade.

 

2014, Serra Negra-SP, 38ª CSG

Recomenda:

  • 1.-Que a JUNAAB faça um estudo de divulgação da mensagem de A.A. em nível nacional através da mídia. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-Que o CTO da JUNAAB peça a impressão nos cartazes de divulgação da Irmandade do código QR. Aprovada por unanimidade.
  • 3.-Que o CTO da JUNAAB estude a possibilidade de editar um modelo de folheto esclarecedor a respeito sobre o que A.A. faz, e o que NÃO faz, quando a Justiça mandar seus beneficiários para a nossa Irmandade. Aprovada por maioria simples.
  • 4.-Que na próxima edição do Guia do CTO seja incluído: “Uma Declaração de Unidade” e “Termo de Responsabilidade”. Aprovada por unanimidade.
  • 5.-Que no Livreto Guia do CTO (página 5, 3º parágrafo), onde consta a palavra PANFLETO, sugere-se a mudança para a palavra FOLHETO. Aprovada por unanimidade.

 

2015, Serra Negra-SP, 39ª CSG

Recomenda:

  • 1.- Que seja incluída nas Guias de CTO a sua estrutura, ou seja, como é formado o CTO, seus representantes e como são eleitos, suas atribuições, suas comissões e o seu âmbito de atuação. Aprovada por unanimidade.
  • 2.- Que a expressão constante na página 45 do Guia do CTO "Pois devem afastar qualquer má vontade dos funcionários em colaborar" seja retirada. Aprovada por unanimidade.
  • 3.- Que o CTO da JUNAAB estude a possibilidade da realização do Encontro Nacional do CTO. Aprovada por maioria absoluta.

 

2016, São Paulo-SP, 40ª CSG

Recomenda:

  • 1.-(14) Que o início do 4º Parágrafo, página 45 do CTO seja substituído por: “Uma vez obtida a permissão, o trabalho de A.A. para os assistidos, deve ser precedido com palestra de sensibilização aos funcionários da Instituição”, já no final do mesmo parágrafo, substituir “Presos” por “Internos”. Aprovada por unanimidade.
  • 2.-(15) Que a JUNAAB providencie a atualização do filme: “SERVIÇO, NOSSO TERCEIRO LEGADO” adaptando-o à nova realidade dos encargos da atual estrutura de A.A. no Brasil. Aprovada por unanimidade.
  • 3.-Contemplando petição da Área 24 (TO) apresentada à Plenária foi reapresentada a proposta de recomendação 3 (8 e 9) da Comissão de CTO, com alteração de texto: “Que o CTO da JUNAAB reedite o Manual do CTO, edição 1997, revisado e atualizado”. Aprovada por maioria absoluta.

 

2017, Nazaré Paulista-SP, 41ª CSG 

Recomenda:

  1. (16) Que, na próxima edição de nossa Literatura de Serviços, “Guias de Enviados da Justiça”, que o primeiro parágrafo da página 9, seja substituído por “Todos que participam reconhecem o fato de que os membros do grupo cooperam, assinando o controle de frequência”. Aprovada por maioria absoluta, com alteração de texto pela plenária
  2. (20) Que a JUNAAB confeccione os cartazes, Cód. 313, 314 e 316 também no tamanho A4. Aprovada por maioria absoluta.

 

2018, Serra Negra, SP, 42ª CSG 

Recomenda:

  1. (8) Recomendamos que, na próxima edição do livreto Guias do CTO, a JUNAAB inclua uma sugestão de procedimentos para organizar Seminários para Profissionais. Aprovada por maioria absoluta.
  2. (20) Que a JUNAAB confeccione os cartazes, Cód. 313, 314 e 316 também no tamanho A4. Aprovada por maioria absoluta.

 

2019, Nazaré Paulista, SP, 43ª CSG 

Nenhuma recomendação foi indicada pela Comissão à Plenária da Conferência.