Alcoólicos Anônimos - Área Rio de Janeiro

Sobre AA - Assistência aos Empregados

 

Como A.A. pode Ajudar
  
Muitas organizações - órgãos públicos e privados, sindicatos, etc.-têm criado programas de assistência a seus servidores, para ajudá-los em problemas pessoais que venham a afetar o rendimento no trabalho e em suas vidas familiares. Trabalhadores e administração estão cada vez mais conscientes da doença do alcoolismo e das grandes perdas econômicas e humanas que acarreta, dando-se conta, então, das consideráveis vantagens de procedimentos delineados para ajuda.
 
Em Algumas empresas, nas quais não existe um programa oficialmente estruturado, se adotam providências informais para que membros de A.A. falem com os empregados que demonstrem ter problemas com a bebida. Isso não é um assessoramento profissional, mas sim o que se conhece como o "trabalho do Décimo Segundo Passo" (um alcoólico compartilhando a recuperação com outro). Nas organizações com programas estabelecidos oficialmente podem existir alguns profissionais no programa de assistência aos empregados.
 
Alcoólicos Anônimos pode colocar à disposição desses organismos, com programas estabelecidos ou não, a experiência de alcoólicos em recuperação.
 
A.A. pode ajudar esses organismos a entrar em contato com homens e mulheres que alcançaram sua sobriedade e estão dispostos a compartilhar livremente sua experiência com todos aqueles que demonstram a vontade de deixar de beber.
 
A.A.quer cooperar
 
Alcoólicos Anônimos gostaria de ajudar a todo empregado que tenha problemas com a bebida.
 
Nossa Irmandade não tem caráter profissional e nada custa tornar-se membro; seu propósito primordial é a recuperação pessoal e a manutenção da sobriedade daqueles alcoólicos que a ela recorrem em busca de ajuda.
 
O enfoque de A.A. está baseado na habilidade única dos alcoólicos em recuperação de ajudar aqueles que ainda sofrem.
 
Como A.A. pode ajudar
 
Existem órgãos e empresas que possuem programas de ajuda para os empregados alcoólicos. Alcoólicos Anônimos não estabelece por si mesmo programas de assistência aos empregados, mas deseja cooperar na medida do possível com esses programas.
 
Em algumas empresas, nas quais existe um programa oficialmente estruturado, se adotam providências informais para que membros de A.A. falem com os empregados que demonstrem ter problemas com a bebida. Isso não é um assessoramento profissional, mais sim o que se conhece em A.A. como o "trabalho do Décimo Segundo Passo" (um alcoólico compartilhando a recuperação com outros). Nas organizações com programas estabelecidos oficialmente podem existir alguns profissionais no programa de assistência aos empregados.
 
Alcoólicos Anônimos pode colocar à disposição desses organismos, com programas estabelecidos ou não, a experiência de alcoólicos em recuperação.
 
A.A. pode ajudar esses organismos a entrar em contato com homens e mulheres que alcançaram sua sobriedade e estão dispostos a compartilhar livremente sua experiência com todos aqueles que demonstrarem a vontade de deixar de beber.
 
A.A. agradecerá a oportunidade de:
 
Reunir-se com líderes de sindicatos, órgãos públicos e privados, serviços médicos, sociais e recursos humanos, para expor sobre como A.A. pode cooperar.
Efetuar reuniões de empregados para explicar o programa de recuperação de A.A.
Levar às reuniões de A.A. os empregados que têm problemas com a bebida.
 
Como entrar em contato com A.A.

http://www.aa.org.br/fale-conosco

 
Avenida Presidente Vargas - Nº 542/1201-7 - Centro - Rio de Janeiro - RJ

Caixa Postal 4779 / CEP 20071-000
Tel.: (21) 2253-3377

 

Av. Presidente Vargas, 542 / 1201-7 - Centro - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 20071-000
Tel.: (21) 2253-3377